Segurança interna ou externa, saiba a diferença - Allia
865
post-template-default,single,single-post,postid-865,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,no_animation_on_touch,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-16.8,qode-theme-bridge,qode_header_in_grid,wpb-js-composer js-comp-ver-5.5.2,vc_responsive
 

Segurança interna ou externa, saiba a diferença

segurança interna

Segurança interna ou externa, saiba a diferença

Toda empresa que preza pela segurança deve saber quais são os benefícios da segurança interna e da externa. Além disso, é fundamental identificar quando e por que investir em cada uma das modalidades. Por isso, apresentamos as principais características de cada recurso. Confira! 

 

Segurança Interna

A segurança interna tem como foco alarmes, sensores de movimento e instalação de câmeras. Na maioria dos casos, os recursos funcionam através da identificação de movimentos. Ao observar qualquer alguma movimentação estranha, os aparelhos emitem avisos sonoros e mandam um alerta para a empresa de segurança responsável pela proteção do local. 

Entenda um pouco mais sobre esse mecanismo:

Alarmes

Os alarmes são equipamentos para identificar ações suspeitas, tais como movimentação de pessoas em horários fora do funcionamento do local. Além disso, também são capazes de identificar situações de perigo como incêndios e inundações.
O objetivo desse tipo de sistema é inibir ações criminosas; Assim, é um dos recursos mais utilizados por empresas brasileiras para garantir a segurança de seus patrimônios.  
Os alarmes devem ser utilizados, sobretudo, em locais com mercadorias de grande valor e  um fluxo considerável de clientes e colaboradores. Porém, por ser um recurso básico e a principal medida de segurança, todas as empresas podem investir na ferramenta. 

Segurança externa 

A segurança externa, como o próprio nome diz, está localizada na área externa das empresas. Além de sistemas como barreiras físicas próximas às áreas de entrada, na segurança externa, a presença de profissionais também é importante. 
Com o auxilio de vigilantes, todos os pontos vulneráveis do local são inspecionados e monitorados com o objetivo de evitar qualquer transtorno para as empresas. No que se diz respeito à vigilância, é essencial, antes mesmo da contratação de colaboradores, realizar uma identificação das necessidades para a proteção integral do ambiente. 
Em casos específicos, o meio mais utilizado para garantir todos os padrões de segurança é a escolta armada. 

Escolta armada

Os serviços de escolta armada são realizados por vigilantes especializados. Com permissão para o porte de armas, o profissional deve garantir a proteção em ocasiões como o transporte de valores, produtos ou equipamentos. Igualmente aos alarmes, a escolta armada serve como um agente inibidor para ações criminosas. 

 

Agora você já sabe a diferença entre a segurança interna e a externa, dúvidas? Acesse nosso site e saiba mais! 

 

Leia também: Como funcionam os serviços de apoio?

No Comments

Post A Comment